segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Encontro indígena discutirá políticas para povos tradicionais no Sertão de Itaparica

Oito comunidades indígenas do estado vão participar do momento de intercâmbio cultural, com oficinas e mostras artísticas.


Foto: Ricardo Moura

     Das 12 etnias indígenas existentes em Pernambuco, sete se concentram no Sertão de Itaparica. É lá que vai acontecer, entre os dias 24 e 26 de outubro, o Encontro de Artes e Culturas Indígenas. Uma realização do Governo do Estado, através da Secult-PE e Fundarpe, em parceria com as comunidades tradicionais da região e as prefeituras de Jatobá, Petrolândia e Tacaratu. 
     Em sintonia com o trabalho da Coordenação de Povos Tradicionais e Populações Rurais da Secult-PE, o momento de intercâmbio cultural vai contar com a participação de oito comunidades indígenas do estado: Pankararu, Entre Serra Pankararu, Pipipã, Pankawiká, Pankará, Pankará de Itacuruba, Atikum e Truká.
Com o objetivo de colocar em contato os saberes, artes e práticas culturais desses povos, a programação conta com oficinas, rodas de diálogo, mostras de filmes e apresentações culturais.  “Apesar de terem em comum a questão étnica e a região de seus territórios, a pluralidade de seus saberes e práticas culturais é notável”, afirma Bia Paes, da Coordenação de Povos Tradicionais e Populações Rurais.
     Além de promover a troca cultural entre as aldeias, o encontro propõe também o diálogo sobre a construção de políticas de cultura específicas para o segmento. “Eles relatam a dificuldade que têm de se enquadrar nos editais gerais, já que precisariam construir, por exemplo, uma justificativa para a realização do toré, um ritual que já deveria ser reconhecido como importante para esses povos e para a cultura”, diz Bia Paes.

Sobre a Coordenação

Criada em 2012, a Coordenação de Povos Tradicionais e Populações Rurais da Secult-PE atua junto aos indígenas, quilombolas e assentamentos rurais, desenvolvendo atividades formativas, de fomento e difusão e fortalecendo a construção de políticas culturais específicas para o segmento.


SERVIÇO
Encontro de Cultura e Artes Indígenas no Sertão de Itaparica
De 24 a 26 de outubro 
Na Aldeia Carrapateira (território Entre Serras Pankararu) 

Confira a programação completa:


Quinta-feira, 24/10


9h

- Oficina de teatro 
- Artesanatos em troca (saberes Pankará) 
- Roda de diálogo: “A cultura no contexto da educação escolar indígena”
- Oficina práticas metodológicas de animação cultural 
- Roda de diálogo: “Editais do audiovisual e povos Tradicionais: Pensando a Política Pública” 

13h
- Oficina de teatro 
- Oficina de Edição de Vídeo 
- Oficina de Roteiro e Captação

14h 
- Artesanatos em troca (saberes Atikum) 
- Roda de diálogo: A cultura no contexto da educação escolar indígena 
- Oficina práticas metodológicas de animação cultural 

17h
- Mostra de Filmes dos povos indígenas de PE
- Mostra de Artesanato
- Apresentação cultural: Jean Ramos

Sexta-feira, 25/10

9h
- Oficina de teatro
- Oficina de Edição de Vídeo
- Oficina de Roteiro e Captação
- Artesanatos em troca (saberes Pankararu)
- Roda de diálogo: A cultura no contexto da educação escolar indígena 
- Oficina práticas metodológicas de animação cultural 

14h 
- Artesanatos em troca (saberes Pankaiwká e Truká)
- Roda de Diálogo: “Danças tradicionais: ritos, performances e apresentações” 
- Roda de diálogo: “A cultura no contexto da educação escolar indígena” 
- Oficina práticas metodológicas de animação cultural 

17h
- Mostra de Artesanato
- Apresentação do Grupo Nação Cultural Pankararu
- Apresentação do Grupo Zumbi
- Apresentação do Grupo Cultura Viva (MST)

Sábado, 26/10

9h

- Oficina de teatro
- Oficina de Edição de Vídeo
- Oficina de Roteiro e Captação
- Artesanatos em troca (saberes Pipipã e Entre Serras Pankararu)

14h 
Roda de diálogo: “Políticas Públicas de Cultura para Povos Tradicionais”

17h
- Mostra de Artesanato;
- Resultado das oficinas
- Performance Mandala de Teatro
- Apresentação musical de Gato (Atikum)

FONTE: FUNDARPE

Nenhum comentário:

Postar um comentário